Volta e meia, eu recebo uma mensagem de alguém que está estudando Tarot há algum tempo, mas ainda não se sente autoconfiante de iniciar suas leituras para outras pessoas por medo de “ler as cartas de forma errada”. A respeito disso, queria deixar algumas considerações e conselhos especiais:

Antes de mais nada, confie na sua intuição.

Se você já estudou a teoria de todas as cartas, confie que na hora de fazer uma consulta o seu próprio poder intuitivo irá abrir para você as mensagens necessárias.

O primeiro significado que vier à sua mente sobre a carta está correto. Confie!

Se vierem outros em seguida, eles também estarão corretos. Quando sentir que “não tem mais o que falar”, ainda que a carta ainda possua mais significados, é porque as mensagens do arcano para aquele momento já terminaram e você pode passar adiante para a próxima lâmina.

Se a sua intuição disser algum significado um pouco diferente da essência que você estudou da carta, não tenha medo e confie na intuição.

E, por fim, confie no Universo. As pessoas que forem até você para se consultarem no Tarot precisam das mensagens que só você pode passar com seu estilo de jogo.